featured lifestyle

Fui vegana por 15 dias

15:18Danuta Raposo Nunes


Eu sempre tive muita curiosidade sobre como as pessoas se alimentam. E ultimamente tive mais curiosidade ainda sobre a alimentação vegana: Como funciona? O que ela traz de benefícios pro corpo? Como você se sente quando para de comer comida de origem animal? O que muda na forma como você vê sua comida? Então, em nome dessa curiosidade (e aproveitando que eu iria passar 15 dias morando sozinha) resolvi mudar minha alimentação por duas semanas e ver como é comer como uma pessoa vegana.

Era um desafio simples, passar 15 dias seguindo a alimentação sem nada de origem animal: Sem carne, sem leite, sem ovos e sem nada que tivesse nenhum desses como ingrediente. Eu achei que fosse ser um pesadelo, mas para a minha surpresa foi bastante fácil me adaptar.

mingau de cereais com leite de soja e morangos





Uma coisa que a gente não considera quando pensa em comida vegana no dia a dia é que a base da alimentação brasileira é completamente vegetal: arroz e feijão nascem da terra minha gente. O que acompanha esse arroz e feijão é que variou muito no meu prato nesse dias. Todo tipo de verdura e legume que você pensar eu cozinhei aqui em casa. E todos estavam uma delicia.

Além disso, pesquisei algumas receitas também para variar o cardápio do arroz com feijão e acabei descobrindo uma variedade de sabores maravilhosos que eu não estava explorando, e que agora vão entrar na minha alimentação regular com certeza.

Passata de tomate com pão caseiro

Acho que minha maior dificuldade foi passar os primeiros dias desconstruindo a ideia de que comida gostosa precisa de carne, queijo ou ovos. Ainda mais eu que como queijo TODO SANTO DIA, e adoro uma pizza, um cookie, um bolinho. Mas depois dos primeiros dias, foi ficando natural comer aquelas coisas saudáveis e incluir outras fontes de proteína na dieta (manteiga de amendoim por exemplo virou vício. Comi todos os dias no café da manhã) e outros tipos de coisas doces e gostosas. Depois que você se acostuma a alimentação vegana é muito saborosa e prazerosa - apesar de maior parte das minhas refeições terem que ser feitas em casa porque eu tive um pouco de dificuldade de achar comida vegana nos restaurantes por exemplo.

Fritada de cogumelos com óleo de gergelim





Mas a melhor vantagem de todas foi como eu me senti nesses dias: me senti saudável, leve, meu organismo funcionou bem como eu nunca tinha sentido antes, minha pele ficou mais bonita e radiante e mesmo que essa não fosse a intenção, eu acabei perdendo alguns quilinhos com essa mudança - quase 5 para ser mais exata. 

batata doce assada com azeite, sal e pimenta do reino




Agora depois desse depoimento, você deve estar se perguntando: E ai, você vai continuar vegana então? Eu realmente não sei. Mas espero que eu consiga manter esse nível de bem-estar sempre na minha vida.

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Recent Posts

Formulário de contato